Largo do Paissandú, 27 – Centro

O Estabelecimento Tradicional PONTO CHIC foi fundado neste local em 1922 pelo italiano Odílio Cecchini onde funcionou até 1978. Antonio Alves Sousa, antigo funcionário e hoje um dos proprietários, comprou a marca e reabriu o restaurante no largo Padre Péricles no mesmo ano. Em 1981, Antonio trouxe o estabelecimento para o endereço original. O famoso sanduíche bauru foi criado no restaurante por Casimiro Pinto Neto, natural da cidade de Bauru. Ele ditou a receita para o chapeiro, e o lanche ficou conhecido como “O sanduíche do Bauru”.

Imagem: Fachada do restaurante no largo do Paissandú/Ponto Chic/Divulgação


Leia na íntegra o levantamento histórico do DPH

De acordo com informações disponíveis na página na Internet do Ponto Chic, o bar foi aberto em 1922 pelo italiano Odílio Cecchini, no Largo do Paissandu n° 27; mesmo endereço em que se encontra atualmente.[1] Em 1978, Odílio, o fundador, decidiu fechar o estabelecimento: “Já estava com idade avançada e havia uma grande disputa com o proprietário do imóvel (loja Paissandu)”.[2] Um dos atuais proprietários, Antonio Alves de Souza, que trabalhara muitos anos no bar como garçom e, depois, como gerente, comprou a marca e reabriu o Ponto Chic em Perdizes, no Largo Padre Péricles n° 139. Em 1981, Antonio alugou o mesmo salão comercial no Largo do Paissandu, onde o bar funcionara por décadas, e o Ponto Chic voltou à antiga casa.[3] Atualmente, além de Antonio, também são proprietários do Ponto Chic seu filho José Carlos e o neto Rodrigo, três gerações da família Alves de Souza[4]. Além das unidades Paissandu e Perdizes, o Ponto Chic possui uma unidade no Paraíso, na Praça Osvaldo Cruz, desde 1986.[5]

gravura.jpg
Gravura ilustrando o interior do restaurante/Ponto Chic/Divulgação

Conta-se que o restaurante foi inaugurado durante a Semana de Arte Moderna e que, entre seus frequentadores, estavam intelectuais e artistas como Mario de Andrade e Anita Malfatti[6].

O Ponto Chic se tornou conhecido por um sanduíche, o “bauru”, criado por um cliente e hoje divulgado por todo o país. Segundo consta, o primeiro “bauru” (sanduíche de roast beef , queijo, tomate e pepino em conserva) foi preparado no estabelecimento em 1937. Casimiro Pinto Neto, aluno da Faculdade de Direito do Largo São Francisco, teria pedido para o chapeiro fazer o sanduíche, cuja receita foi ditada por ele. Outros clientes quiseram experimentar a combinação, que logo ficou conhecida como o “sanduíche do Bauru” (apelido de Casimiro, por ter nascido na cidade de Bauru)[7].

2
Aspecto do balcão do restaurante/Ponto Chic/Divulgação

Além do tradicional sanduíche – seu carro chefe –, o Ponto Chic serve lanches, porções, massas, saladas, entre outros. Outra especialidade da casa é o sanduíche de pernil no pão francês[8].

Também se atribui o nome “Ponto Chic” ao fato de que o recém-aberto bar não tinha nome e que foi ficando conhecido como “lugar chique”, em virtude de sua decoração com azulejos franceses e balcão de mármore.[9] 

Sobre as instalações e a ambiência

3
Interior do Ponto Chic, por volta da década de 1970/Ponto Chic/Divulgação

O Ponto Chic está localizado no Largo Paissandu e é ladeado por outros restaurantes e estabelecimentos comerciais, bem como a Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, a Galeria Olido e a Galeria do Rock. Ocupa o andar térreo de um prédio de três pavimentos. O Largo do Paissandu é via de tráfego intenso de veículos e de grande circulação de pedestres.

O salão é único, sem divisões internas, onde estão dispostas várias mesas e cadeiras. O balcão ocupa o mesmo lugar e, na parede ao fundo, ainda há garrafas expostas, embora em menor número do que anteriormente.

Elaborado por: Luiza Barros, estagiária em Ciências Sociais
Revisado por: Fatima Antunes
Seção Técnica de Levantamento e Pesquisa

Divisão de Preservação/DPH, outubro de 2016


[1] Cf. http://www.pontochic.com.br/ponto-chic-restaurante/historia/restaurante-ponto-chic Acesso em outubro de 2016.

[2] Olhar turístico. SP 462 anos – Bauru, o sanduíche da cidade. Disponível em http://www.olharturistico.com.br/sp-462-anos-bauru-o-sanduiche-da-cidade-sp-462-years-bauru-the-citys-sandwich/ Acesso em outubro de 2016.

[3] Idem.

[4] Cf. http://www.pontochic.com.br/ponto-chic-restaurante/midia/ponto-chic-reportagens/11 Acesso em outubro de 2016.

[5] Cf. http://www.pontochic.com.br/ponto-chic-restaurante/lojas/restaurante-paraiso Acesso em outubro de 2016.

[6] Cf. http://www.pontochic.com.br/ponto-chic-restaurante/lojas/restaurante-paissandu Acesso em outubro de 2016.

[7] Cf. http://www.pontochic.com.br/ponto-chic-restaurante/o-bauru/bauru-ponto-chic Acesso em outubro de 2016.

[8] Cf. http://www.pontochic.com.br/files/unidades/0000001- 0000500/1/5f2cb37b2c8b74f7f47bc4eb2416ad06.pdf Acesso em outubro de 2016.

[9] Cf. http://www.pontochic.com.br/ponto-chic-restaurante/livro/restaurante-ponto-chic Acesso em outubro de 2016.


Ficha de identificação

Nome do estabelecimento: PONTO CHIC
Razão Social do estabelecimento: Choperia Ponto Chic Ltda.
Endereço: Largo do Paissandu, 27 – República– São Paulo. Telefone: 3222-6528
Página na internet: http://www.pontochic.com.br/
Tipo de empresa: sociedade limitada E.P.P.
Data de constituição: 01/06/1978 (cf. JUCESP)
Início de atividade: 01/06/1978 (cf. JUCESP)
CNPJ: 49.940.752/0001-21
Horário de funcionamento: segunda a sábado, das 12h às 20h
Data de fundação: 1922, por Odílio Cecchini
Proprietários/sócios: Edna Landino de Souza; Rodrigo Alves de Souza
Ramo de atividade: bares, botequins e cafés; lanchonetes, pastelarias, confeitarias, casas de chá, de doces e salgados, de sucos de frutas e sorveterias
Setor/Quadra/Lote: 001.055.0010
Ocupa imóvel tombado? Não
Conserva instalações/ambiência de época? Não
É referência local? Sim
É referência na cidade? Sim


ponto-chic

Anúncios